Futebol americano

Reviravolta no Super Bowl dá vitória aos Kansas City Chiefs

Reviravolta no Super Bowl dá vitória aos Kansas City Chiefs

Os Kansas City Chiefs conquistaram o Super Bowl no domingo, pela segunda vez, 50 anos depois, sagrando-se campeões da Liga norte-americana de futebol americano (NFL), ao baterem os San Francisco 49ers por 31-20, em Miami.

A formação comandada pelo treinador Andy Reid e liderada em campo pelo quarterback Patrick Mahomes esteve a perder por 20-10 no 54.º Super Bowl, já em pleno quarto período, num embate que chegou empatado a 10 ao intervalo.

No Hard Rock Stadium, em Miami, os 49ers pareciam lançados para um sexto título, o primeiro desde 1995, depois de forçarem uma segunda interceção a Mahomes, numa altura em que lideravam já no quarto período, mas, então, tudo mudou. A defesa dos Chiefs parou o ataque dos 49ers liderado pelo quarterback Jimmy Garoppolo e, do outro lado, Mahomes começou a fazer magia, servindo três touchdowns seguidos, o último já com o duelo praticamente sentenciado, a 1.12 minutos do fim.

Mahomes, de 24 anos, juntou, assim, o troféu de Jogador Mais Valioso (MVP) do Super Bowl ao que conseguiu na época regular da época passada, liderando um conjunto que se tornou o primeiro a virar três desvantagens de mais de 10 pontos nos play-offs.

Os Chiefs, que já tinham virado os Houston Texans (51-31) e os Tennessee Titans (35-24), conquistaram o segundo Super Bowl, 50 anos depois (23-7 em 1970, face aos Minnesota Vikins), enquanto o treinador Andy Reid somou o primeiro, à 21.ª temporada.

O jogo nem começou, porém, de feição para os Chiefs, já que, no primeiro ataque, Mahomes nem 10 jardas avançou, com a bola a passar rapidamente para os 49ers, que somaram os primeiros pontos, graças a um pontapé de 38 jardas de Robbie Gould.

Em desvantagem, o conjunto de Kansas City respondeu, porém, de pronto, num longo drive finalizado com um touchdown de Mahomes, numa corrida de uma jarda, a 31 segundos do final do quarto. Harrison Butker conseguiu o ponto adicional (3-7).

O segundo período começou da pior forma para os 49ers, com um erro do quarterback Jimmy Garoppolo, que, pressionado pela defesa contrária, fez um passe que foi intercetado por Bashaud Breeland.

De novo no ataque, os Chiefs não conseguiram novo touchdown, mas marcaram mais três pontos, graças a um pontapé de 31 jardas de Harrison Butker, a 9.32 minutos do intervalo.

A formação de Kansas City parecia claramente por cima, mas Garoppolo reagiu de imediato, fazendo a equipa avançar rapidamente até à red zone, com Kyle Juszczyk a conseguir o touchdown, após passe de Garoppolo. Gould fez o 10-10.

O resultado manteve-se até ao intervalo - quarta igualdade a meio na história do Super Bowl -, marcado pelo show da colombiana Shakira e da norte-americana Jennifer Lopez.

A segunda metade arrancou com os 49ers a receberam a bola e Garoppolo em bom plano, a conseguir conduzir a equipa até zona de "field goal", para Gould fazer o 13-10.

O ataque do conjunto de San Francisco funcionava e a defesa começou a exercer grande pressão sobre Mahomes, que, depois de dois "first downs", foi atirado ao chão por Nick Bose e, logo a seguir, viu um passe ser intercetado por Fred Warner.

Em excelente posição no campo, os 49ers não desperdiçaram a oferta e chegaram rapidamente a novo touchdown. Juszczyk quase bisou, mas acabou por ser Raheem Mostert a concretizá-lo, numa corrida de uma jarda. Gould fez o 20-10.

O ataque seguinte, na transição para o quarto período, voltou a não correr bem para os Chiefs. Depois de salvar várias vezes a equipa, Mahomes sofreu nova interceção, agora de Tarvarius Moore, mais por culpa de Tyreeke Hill, que não segurou a bola.

Com 11.57 minutos para jogar, os 49ers pareciam no controlo dos acontecimentos, mas no ataque seguinte, só conseguiram um 'first down', cedendo a bola aos Chiefs. Mahomes redimiu-se, nomeadamente com sensacional passe para Hill, num 'drive' que acabou com 'touchdown de Travis Kielce e ponto extra de Butker.

Os 49ers ainda lideravam (20-17), mas, na resposta, nem 10 jardas andaram e devolveram a bola aos Chiefs e a Mahomes, que fez grande passe para Sammy Watkins e depois colocou Damien Williams a correr cinco jardas para novo touchdown.

Butker colocou o resultado em 24-20, com 2.44 minutos, e deixou o conjunto de San Francisco obrigado a marcar um touchdown, só que, depois de conseguir duas vezes o primeiro down, Garoppolo foi derrubado numa quarta tentativa e o jogo acabou aí, ou pouco depois, com novo touchdown de Williams.

Outras Notícias

Outros Conteúdos GMG