Premium

Governo negoceia corredor turístico com o Reino Unido

Governo negoceia corredor turístico com o Reino Unido

Corredores turísticos entre os dois países estão a ser negociados pelo Governo. Mercado inglês ainda representa cerca de uma em cada cinco dormidas na hotelaria.

A imposição de duas semanas de quarentena a todos os que chegarem ao Reino Unido, a partir do próximo dia 8 de junho, anunciada ontem pelo Executivo de Boris Johnson, constitui uma ameaça à retoma gradual do turismo português. No entanto, os governos português e britânico estão já a negociar "corredores bilaterais" para o turismo, a tempo de salvar o verão. Aquele mercado representa uma em cada cinco dormidas na hotelaria nacional, tendo um peso maior em regiões como o Algarve ou a Madeira, onde são responsáveis por um terço do negócio.

No dia em que foi anunciada a quarentena no Reino Unido a qualquer pessoa que chegue ao país por via aérea, marítima ou ferroviária, a imprensa britânica já anunciava a negociação dos referidos "corredores turísticos bilaterais" - semelhantes aos que foram criados nos Balcãs, entre a Estónia, a Letónia e a Lituânia, no início de maio - com países de baixa incidência de covid-19, como Portugal, Grécia, Austrália e Nova Zelândia.

Outras Notícias

Outros Conteúdos GMG