Prémios Millennium Horizonte

Exportações são decisivas para sair da crise

Exportações são decisivas para sair da crise

Gala de Entrega dos Prémios Millennium Horizontes decorreu esta quinta-feira em Braga. Depois de selecionar 45 finalistas, de um total de 832 empresas candidatas, o júri atribuiu nove troféus, correspondentes às diferentes categorias.

"Portugal aumentou, nos últimos 12 anos, aproximadamente 80% o peso das exportações no PIB", graças a um "grande trabalho coletivo", disse o secretário de Estado da Internacionalização, Eurico Brilhante Dias, ontem, na Gala de Entrega dos Prémios Millennium Horizontes. A iniciativa do Millennium bcp em parceria com o Global Media Group, distinguiu empresas que contribuíram para o crescimento da economia. "Não é um trabalho de um governo ou de uma circunstância, mas de uma estratégia coletiva", sublinhou.

Com "o nível de endividamento que ainda mantém", acrescenta Eurico Brilhante Dias, o país precisa de continuar a apostar nas exportações.

Depois de selecionar 45 finalistas, de um total de 832 candidatas, o júri atribuiu nove troféus, correspondentes às diferentes categorias. Esta quinta-feira, no Altice Forum Braga, foram agraciadas as empresas Nautilus (na categoria Inovação PME), Bluephama (Inovação Grande Empresa), EbankIT (Exportação PME), Controlar (Exportação GE), Asfertglobal (Internacionalização PME), Caradonna (Internacionalização GE), Manuel Tavares (microempresa), Indumape (PT2020) e Adclick (Garantia Mútua).

Este ano concorreram mais de 800 empresas. Cerca de "60% das candidaturas vêm de Porto, Braga e Aveiro", destacou o presidente do Millennium bcp, Nuno Amado. O presidente do Global Media Group, Daniel Proença de Carvalho, lembrou que é importante "dar voz a uma realidade empresarial que é positiva".

ver mais vídeos