Imagens

Últimas

Homicídio

Alegado mentor da morte de Mota JR diz que saiu de Portugal devido a ameaças

João Luizo, tido como o mentor do assalto e morte à pancada de Mota JR em março de 2020, alegou ao Juiz de Instrução Criminal de Sintra que apenas fugiu de Portugal por temer pela vida após ser associado à morte do rapper e nem compreende a razão de estar envolvido. Afinal, como disse no momento da detenção e agora em sede de instrução do processo, onde pediu para ser absolvido de todos os crimes, sem sucesso, estava a jantar com a tia, algo que fazia todos os dias.