Tecnologia

Aplicação Xhelper está a infetar milhares de telemóveis Android

Aplicação Xhelper está a infetar milhares de telemóveis Android

A aplicação Xhelper estará a "infetar" milhares de telemóveis com o sistema operativo Android, tal como um vírus. Não pode ser desinstalada e tem afetado consumidores da Índia, Estados Unidos e Rússia.

A discussão tem sido farta nos fóruns online: vários consumidores queixam-se de uma única aplicação, o Xhelper, que alegadamente estará a infetar muitos telemóveis com o sistema operativo Android.

Vários sites especializados em tecnologia referem que a aplicação é instalada no equipamento após descarregar uma aplicação (que ainda não se sabe qual) da Play Store (loja online de aplicações, jogos e músicas da Google).

O grande problema é que o utilizador após detetar o vírus, não consegue desinstalar a aplicação. Quando desinstala o Xhelper, a app volta a aparecer no telemóvel. Nos últimos seis meses, a aplicação terá afetado mais de 45 mil equipamentos em países como a Índia, os Estados Unidos e a Rússia.

Também segundo alguma imprensa especializada, a aplicação não causa danos nos telemóveis, apenas "aborrece" os consumidores com vários pop-ups e anúncios publicitários. Ao mesmo tempo, tenta redirecionar o utilizador novamente para a compra de mais aplicações na Play Store.

A instalação de programas antivírus pagos nos telemóveis não estará a resultar, embora alguns utilizadores tenham admitido que conseguiram tirar o Xhelper dos equipamentos. Ainda não é claro, contudo, a forma como o Xhelper se mantém intacto e se não verga à maioria dos antivírus.

A maior das preocupações reside agora na hipótese de a aplicação ser mais do que um vírus "aborrecido" com propósitos mais perigosos como o roubo de palavras-passes registadas em sites e outras aplicações.