Tecnologia

Há telemóveis que não vão ter WhatsApp a partir de julho. O seu está na lista?

Há telemóveis que não vão ter WhatsApp a partir de julho. O seu está na lista?

Muitos modelos de telemóveis vão deixar de suportar a aplicação de conversas WhatsApp a partir de 1 de julho, dependendo do sistema operativo.

Com o passar do tempo, algumas aplicações deixam de fazer atualizações para determinado sistema operativo, o que as torna incompatíveis com certos modelos de telemóvel. É o que vai acontecer com o WhatsApp a partir de julho, deixando de funcionar numa série de aparelhos com sistemas "ultrapassados".

A lista de telemóveis que vão deixar de suportar o WhatsApp é ampla:

Nos telemóveis com sistema operativo Android, serão afetados todos os que tiverem uma versão Android 2.3.7 ou anterior.

No caso dos iPhone, a aplicação deixará de estar disponível em todos os telemóveis com um sistema iOS7 ou anterior.

Além desses, serão afetados os modelos Nokia S40, os telemóveis com sistema operativo Windows 8.0 e o Blackberry 10.

Como saber qual o sistema operativo do seu telemóvel

Se o seu telemóvel tem um sistema operativo Android, deve aceder ao menu "Configurações" ou "Definições" e, depois, encontrar a secção "acerca do telefone" (a designação pode variar consoante o modelo, mas será sempre semelhante) e aí poderá ver qual a versão que tem instalada e que poderá ser atualizada, se necessário.

Se tem um iPhone, deve selecionar igualmente a secção "Configurações" ou "Definições", selecionar a opção "Geral" e, depois, abrir "Informações". Dentro desse menu, poderá ver qual a versão do iOS que tem instalada. Se quiser saber se tem a versão mais atual, volte ao menu "Geral" e clique na opção "Atualização de software".

O que fazer se o sistema operativo do seu telemóvel deixar de suportar o WhatsApp

Se o seu telemóvel tem um dos sistemas operativos referidos anteriormente, deve tentar atualizá-lo para obter uma extensão. No entanto, isso nem sempre é possível e, caso o aparelho não suporte novas atualizações de software, poderá ter de comprar um novo ou utilizar outra aplicação de conversas semelhante ao WhatsApp.