Almada

Assaltante esfaqueado com própria arma em roubo de 20 mil euros

Assaltante esfaqueado com própria arma em roubo de 20 mil euros

Dois homens assaltaram com extrema violência uma casa em Almada. No interior, um casal de idosos, a sua filha e genro foram ameaçados com uma arma de fogo e uma faca, mas o genro reagiu ao assalto, retirou a faca de um dos assaltantes e esfaqueou-o.

Os suspeitos fugiram com 20 mil euros em dinheiro e um deles foi agora detido pela Polícia Judiciária de Setúbal, uma vez que se dirigiu ao hospital de Almada para receber assistência e foi aí identificado.

O assalto deu-se na manhã do dia 12 numa moradia na Aroeira, Almada. Os dois assaltantes entraram em casa das vítimas com uma arma de fogo e uma faca e surpreenderam o idoso residente que estava a sair. Amarraram-no com braçadeiras de plástico e obrigaram-no a levá-los para o piso superior da casa.

No piso superior da habitação, os assaltantes encontraram a mulher do idoso, a sua filha e genro. Ameaçaram-nos para entregar todos os bens que tinham guardado. As vítimas entregaram tudo o que tinham, na esperança que os assaltantes saíssem, mas estes continuaram a ameaçá-los.

Perante as insistentes ameaças de morte, mesmo tendo acedido ao pedido dos assaltantes, o genro do casal residente, temendo pela própria vida e dos seus familiares reagiu e confrontou os assaltantes. Conseguiu retirar a arma branca de um dos assaltantes e, com ela, desferiu um golpe no suspeito.

Os dois assaltantes puseram-se em fuga, mas um deles acabou por se dirigir ao hospital de Almada para receber assistência ao ferimento. Teve alta e foi para casa.

A Polícia Judiciária de Setúbal deteve agora este suspeito, homem de 26 anos, residente na zona de Lisboa. A colaboração com o hospital foi determinante para a identificação do suspeito que foi detido esta quarta-feira. O suspeito, sem quaisquer antecedentes criminais, está indiciado por roubo qualificado e detenção de arma proibida. Foi presente ao Tribunal de Almada e ficou em prisão preventiva.

PUB

À investigação, o assaltante não identificou o seu parceiro no crime nem tinha em sua posse o dinheiro que roubou da casa das vítimas. A Polícia Judiciária vai agora tentar localizar e deter o segundo suspeito.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG