Bairro da Jamaica

Autarquia e PSP encerraram cafés que funcionavam sem licença

Autarquia e PSP encerraram cafés que funcionavam sem licença

A Câmara Municipal do Seixal e a PSP estiveram esta tarde de terça feira no Bairro da Jamaica (Vale de Chícharos) a encerrar bares e cafés que funcionavam de forma ilegal, sem licença.

Em causa, avança fonte oficial da autarquia, estiveram "questões de saúde pública, a garantia das condições de segurança no bairro e nas zonas envolventes e o direito ao descanso dos moradores".

Os estabelecimentos em causa já tinham recebido ordem de encerramento devido a queixas por barulho e ajuntamento ilegal de pessoas durante a fase de confinamento obrigatória na pandemia. Esta terça-feira foram encerrados.

Fonte oficial da autarquia refere que a operação​ surge "em resposta às inúmeras queixas dos moradores do bairro de Vale de Chícharos, assim como dos moradores das imediações do Bairro e ainda às diversas notificações de autos da PSP sobre as queixas de ruído na zona".

Em maio do ano passado, a PSP realizou uma ação de fiscalização com a Direção Geral de Saúde e a autarquia do Seixal para encerrar os cafés que já tinham recebido ordem para fechar devido ao surto de covid-19, que teve origem numa festa ilegal em Almada e que afetou 16 moradores no início desse mês. Alguns tiveram as entradas soldadas para impedir a reabertura.

Em outubro, os que ainda permaneciam abertos receberam notificação da autarquia para encerrar. Os proprietários tinham dez dias para entregar a documentação que comprovava a funcionamento legal.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG