Exclusivo

Burlão trocou duas letras num email e fez empresa pagar-lhe um avião

Burlão trocou duas letras num email e fez empresa pagar-lhe um avião

Português preso no Brasil é suspeito de lucrar 550 mil euros. Crime foi cometido na Bélgica, que já pediu extradição.

Um português, de 37 anos, é suspeito de ter burlado, em 550 mil euros, uma companhia de aluguer de aviões e fugido para o Brasil. Marco Paulo Marques, natural de Lisboa, terá conseguido enganar a empresa, da Indonésia, com um email falso, mas foi detido, no início deste ano, na sequência da emissão de um mandado de detenção internacional. Continua preso em solo brasileiro, à espera de ser extraditado para a Bélgica, onde o crime foi praticado e onde será julgado pelos crimes de fraude, burla e falsificação de documentos.

A empresa PT Ersa Eastern Aviation realizou um contrato de "leasing" com os chineses da Chai Lease Internacional Financial Services para a compra de um avião. Comprometeu-se a pagar 550 mil euros até 13 de setembro de 2019, mas, a três dias do fim do prazo, recebeu um email a pedir que a liquidação do mais de meio milhão de euros fosse antecipada. E ninguém reparou na subtil troca de duas letras no endereço eletrónico do remetente (chattychuang@ chialease.com.tw em vez do verdadeiro, chattychuang@ chailease.com.tw).

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG