Matosinhos

Coloca câmaras ocultas para filmar enteadas em poses íntimas

Coloca câmaras ocultas para filmar enteadas em poses íntimas

Um homem, de 45 anos, foi detido pela Polícia Judiciária do Porto, por ter colocado câmaras de filmar ocultas destinadas a apanhar duas enteadas menores, em poses íntimas. O homem, que vai esta segunda-feira a tribunal, chegou a partilhar imagens com um amigo.

O indivíduo está indiciado por abuso sexual de crianças, devassa da vida privada e pornografia de menores.

"Os crimes praticados em datas ainda não concretamente apuradas, mas que terão iniciado no ano de 2020 até à presente data, ocorreram com mais frequência na habitação sita em Matosinhos, onde o detido residia juntamente com a sua companheira e as filhas desta, menores de idade, e ainda numa viatura onde se fazia transportar habitualmente", explica a PJ em comunicado.

É suspeito de ter instalado câmaras ocultas em várias dependências da casa, mas também da viatura, "com o intuito de obter imagens das menores nomeadamente sem roupa, imagens estas que partilhou pelo menos com um amigo através de correio eletrónico", garante ainda a PJ.

Com uma das irmãs, manteve conversas de teor sexual e ter-lhe-á tocado por diversas vezes nas zonas corporais íntimas, pelo que incorre num crime de abuso sexual de menor.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG