Penafiel

Condutor alcoolizado tenta fugir após agredir comandante do posto da GNR

Condutor alcoolizado tenta fugir após agredir comandante do posto da GNR

O comandante do Posto da GNR de Penafiel e um outro militar, foram agredidos por um condutor alcoolizado, durante uma operação de trânsito, ocorrida em Bustelo, Penafiel, ao início da noite de sábado.

Ao que o JN apurou, o chefe do Posto e o militar tinham dado início a uma operação de trânsito, em Bustelo, quando cerca das 21 horas mandaram parar um condutor. Sem identificação, o homem de 40 anos foi submetido ao teste de alcoolemia, tendo apresentado uma taxa de álcool de 1,5 gramas por litro de sangue, já considerada crime.

No decorrer da ação, o homem injuriou os dois militares e agrediu-os, desferindo-lhes murros e pontapés, perante a mulher e a filha menor, que se deslocaram ao local para trazer os documentos identificativos do indivíduo. Os militares foram mesmo obrigados a usar gás pimenta para imobilizar o indivíduo, mas este conseguiu fugir para uma zona de monte. Foi capturado pelos militares, que foram em seu encalço e por elementos de outra patrulha que se deslocaram ao local para apoiar na ocorrência.

PUB

O indivíduo - que mora a poucos metros do local onde foi parado pelas autoridades - foi detido e levado para o Posto da GNR de Penafiel. Foi depois libertado e o caso baixou a inquérito. Ao que o JN apurou, trata-se de um homem já conhecido das autoridades por agressões e ameaças a militares da GNR.

Os militares agredidos foram transportados para o Centro Hospitalar do Tâmega e Sousa. O comandante do Posto sofreu lesões na cabeça e o outro guarda apresentava ferimentos e queixas nos braços, pernas e zona cervical.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG