Exclusivo

Desfigura prostituta para roubar, assalta carro e foge da cela

Desfigura prostituta para roubar, assalta carro e foge da cela

Toxicodependente desesperado responde por tentativa de homicídio. Vítima teve de ser sujeita a cirurgia plástica.

Sem dinheiro para satisfazer o vício da cocaína, João Pratas, 28 anos, desfigurou à pancada e deixou às portas da morte uma prostituta para a roubar, em Grândola, ao ponto de ela precisar de cirurgia plástica. Levou-lhe 90 euros e, insatisfeito, ainda assaltou depois uma carrinha, sendo detido pela GNR em flagrante. Mas a saga ainda não tinha acabado. Com a perna de uma mesa partiu uma janela da cela do tribunal onde ia responder pelo furto e fugiu. Foi a Polícia Judiciária, que o procurava pela tentativa de homicídio, quem o travou. O julgamento começa esta segunda-feira no Tribunal de Setúbal.

Na noite de 20 de agosto de 2020, João foi a casa da vítima, de 57 anos, de quem era cliente. O plano era matar e roubar. Quando ela estava no quarto de banho, estrangulou-a, com um golpe de mata-leão. Pedia-lhe dinheiro e dizia que a matava, agredindo-a soco na face até a desfigurar. Antes de perder a consciência, a vítima indicou-lhe onde tinha o dinheiro, 90 euros, mas ele queria mais. Trancou a casa, julgando a mulher morta, e saiu, assaltando pouco depois uma carrinha, de onde levou 700 euros.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG