GNR

Detido em Mirandela por posse de armas e munições proibidas

Detido em Mirandela por posse de armas e munições proibidas

Um homem de 58 anos foi detido pelo Núcleo de Investigação Criminal (NIC) da GNR de Mirandela, por posse de armas proibidas, durante uma operação policial para dar cumprimento a mandados de busca, no concelho de Mirandela, revelou, esta tarde, em comunicado o Comando Territorial de Bragança.

Esta operação "surgiu na sequência de uma investigação que decorria desde janeiro de 2020, sobre crimes de ameaças com arma de fogo e detenção de armas proibidas, e que já em maio de 2020 tinha levado à detenção de um individuo e à apreensão de uma arma de fogo". Agora, acrescenta o comunicado, o NIC de Mirandela recolheu provas que permitiram identificar mais suspeitos de estarem envolvidos nos crimes.

Nesta operação, que segundo apurámos, decorreu, na quinta-feira, na aldeia de Cabanelas, para além da detenção de um homem de 58 anos de idade, foi também constituído arguido um indivíduo de 41 anos de idade.

Nas buscas realizadas, dando cumprimento a dois mandados de busca domiciliária, a dois mandados de busca em veículos e um mandado num armazém, foram apreendidas quatro caçadeiras de calibre 12, uma pistola de calibre 7,65 mm, 13 munições, uma arma branca, 257 cartuchos calibre 12 e seis cartuchos de bala.

Todos os factos foram remetidos ao Tribunal Judicial de Mirandela e o detido saiu em liberdade, aguardando o desenrolar da investigação sujeito a termo de identidade e residência.

A Operação contou com o reforço dos Postos Territoriais de Mirandela e Vila Flor, Núcleo de Proteção Ambiental de Mirandela, Secção de Prevenção Criminal de Mirandela bem como da Secção Cinotécnica de Bragança.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG