O Jogo ao Vivo

Denúncia

Detido por abusos sexuais a sobrinha confiada pela justiça 

Detido por abusos sexuais a sobrinha confiada pela justiça 

A Polícia Judiciária (PJ) de Aveiro identificou e deteve um homem que abusava há anos de uma sobrinha, atualmente com 12 anos, em Anadia. Foi a criança quem denunciou, na escola, os abusos a que era sujeita.

A criança foi retirada aos pais, uma "família muito complicada", segundo revelou fonte da PJ, quando tinha seis anos. Foi então confiada por decisão judicial aos tios paternos, que "não tinham antecedentes" por qualquer crime desta natureza, acrescenta a mesma fonte. Os abusos terão começado pouco depois.

De acordo com um comunicado da PJ, os "indícios colhidos até ao momento pela investigação apontam no sentido de os abusos sexuais terem começado quando a menina tinha seis anos, perdurando desde então de forma reiterada ao longo do tempo, tendo apenas agora sido revelados pela criança em contexto escolar."

PUB

O suspeito aproveitava os momentos em que se encontrava sozinho com a menina, numa das freguesias do concelho de Anadia, para "a sujeitar a práticas sexuais de diversa índole", refere a PJ.

A menina saiu da habitação que partilhava com os familiares. O tio, de 56 anos, operário fabril numa indústria de cerâmica, foi identificado e detido. Depois do interrogatório judicial, foi-lhe aplicada a medida de coação de prisão preventiva.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG