O Jogo ao Vivo

Amadora

Dono de café com jogo ilegal vendia "charros" ao balcão

Dono de café com jogo ilegal vendia "charros" ao balcão

A Polícia deteve na segunda-feira, no Bairro da Cova da Moura, na Amadora, o proprietário de um café que, além de ter uma máquina de jogo ilegal, ainda vendia charros ao balcão. No mesmo estabelecimento um cliente, com 40 anos, explorava jogo ilegal num telemóvel e tinha três mil euros.

No decorrer de uma fiscalização de rotina a um estabelecimento naquele bairro os Polícias apreenderam uma máquina de jogo do género roleta e encontraram 7,32 gramas de haxixe, escondidas na parte de dentro do balcão, bem como uma balança de precisão e 1 336,42 euros em dinheiro.

"Todo o material foi apreendido por haver suspeitas que o proprietário [de 37 anos] se dedicava à venda de estupefaciente, mais precisamente "charros", já feitos, sendo igualmente apreendidos outros artigos como mortalhas e filtros", revelou, esta quinta-feira, a PSP.

PUB

No café estava um cliente, com que se encontrava "a manusear um telemóvel aquando a entrada dos Polícias, tentando ocultá-lo assim que deu conta da presença dos agentes. Após contacto com o indivíduo, foi possível apurar que o mesmo se dedica à prática de jogo ilegal no âmbito de apostas mútuas de jogos da SCML, tendo na sua posse uma impressora tipicamente utilizada para a impressão de talões de jogo e um smartwatch que utilizava para trocar mensagens com apostadores", sublinha a Polícia, em comunicado.

Na viatura do indivíduo foram encontrados rolos para a impressora e três mil euros.

O proprietário do café foi presente perante a competente Autoridade Judiciária no Tribunal Judicial da Comarca da Amadora, tendo sido libertado e notificado para audiência futura.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG