O Jogo ao Vivo

PJ

Espancou e tentou afogar ex-namorada no rio Âncora

Espancou e tentou afogar ex-namorada no rio Âncora

Um homem de 30 anos foi detido após tentar matar a ex-namorada no passado sábado em Vila Praia de Âncora. Agrediu-a, atirou-a duas vezes para a praia de uma altura de quatro metros e mergulhou a cabeça dela na água até esta perder os sentidos. Julgando que estava morta, foi-se embora. A vítima conseguiu fugiu e ele foi detido pouco depois.

O caso aconteceu na sequência de uma discussão na madrugada do passado sábado. O homem desferiu vários murros e pontapés, principalmente na face, na ex-companheira de 26 anos de idade. Por duas vezes atirou-a de uma altura de quatro metros de cima do paredão para a praia.

Depois, arrastou-a até ao rio Âncora e "apertando-lhe o pescoço com violência, mergulhou a cabeça desta na água, no intuito de a matar por afogamento", descreve a Polícia Judiciária em comunicado. A mulher acabou por desfalecer e o homem, pensando que a tinha conseguido matar, abandonou o local.

PUB

A vítima, entretanto, recuperou os sentidos e fugiu do local em busca de socorro, sendo posteriormente transportada pelos Bombeiros para o Hospital de Viana do Castelo.

A PJ de Braga tomou conhecimento da ocorrência e de imediato pôs em marcha várias diligências que resultaram na recolha de vasto acervo probatório e permitiram, ainda nesse dia, a identificação, localização e detenção fora de flagrante delito do arguido.

O homem está fortemente indiciado dos crimes de homicídio qualificado na forma tentada, ofensa à integridade física qualificada, sequestro e violência doméstica. O detido será apresentado esta tarde de segunda-feira à autoridade judiciária competente para primeiro interrogatório judicial e aplicação de medidas de coação.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG