O Jogo ao Vivo

Setúbal

Furtava dinheiro, ouro e joias enquanto transportava móveis

Furtava dinheiro, ouro e joias enquanto transportava móveis

Um casal foi identificado pela GNR, em Setúbal, por diversos furtos de dinheiro, ouro e joias. O homem aproveitava a sua atividade profissional numa empresa de transporte de móveis para roubar o que podia e os objetos mais valiosos eram vendidos pela companheira.

De acordo com comunicado divulgado esta quarta-feira, após uma investigação que durou cerca três meses, através do Posto Territorial da Quinta do Conde, foram constituídos arguidos uma mulher e um homem, de 40 e 43 anos, respetivamente.

A GNR apurou que o suspeito, quando se deslocava às residências dos clientes, em várias localidades da margem sul do Tejo, "aproveitava a distração dos proprietários para procurar e furtar bens, nomeadamente dinheiro e joias". Os objetos eram, posteriormente, entregues à suspeita, que os transacionava em lojas de compra e venda de ouro.

PUB

Durante uma busca domiciliária, a GNR apreendeu 23 fios, 11 pulseiras, 14 pares de brincos, 33 anéis, alguns pendentes e 26 relógios de diversos tipos e marcas.

Os suspeitos foram constituídos arguidos e os factos foram comunicados ao Tribunal Judicial de Setúbal.

A ação contou com o reforço do Núcleo de Investigação Criminal (NIC) de Setúbal.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG