Incêndio

GNR deteve homem que deitou fogo a terreno em Vieira do Minho

GNR deteve homem que deitou fogo a terreno em Vieira do Minho

O Núcleo de Proteção Ambiental (NPA) da GNR da Póvoa de Lanhoso, deteve, na sexta-feira, um homem de 46 anos pelo crime de incêndio florestal, no concelho de Vieira do Minho.

O Comando Territorial de Braga da Guarda anunciou, este sábado, que após uma denúncia por incêndio florestal na localidade da Caniçada - junto à barragem com o mesmo nome no rio Cávado -, os militares da Guarda deslocaram-se ao local onde identificaram o autor do incêndio.

Foi possível apurar - diz a GNR - que este ainda tinha na sua posse o isqueiro utilizado para a ignição de vegetação existente no terreno contíguo à sua propriedade, tendo consumido uma área de 10 mil metros quadrados.

PUB

O detido foi constituído arguido, tendo os factos sido comunicados ao Tribunal Judicial de Vieira do Minho.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG