Crime

Ataca mãe à bengalada e estrangula-a por não lhe dar 20 euros

Ataca mãe à bengalada e estrangula-a por não lhe dar 20 euros

Manuel Mirandela Limões pediu 20 euros para gasolina à mãe, que lhe negou o pedido. Foi o que bastou para lhe tirar a bengala das mãos e atingi-la com pelo menos três pancadas na cabeça e na face.

Áurea Mirandela, 67 anos, caiu desamparada no chão, junto à berma da estrada, em Bragadas, Ribeira de Pena. Depois disso, o filho apertou-lhe o pescoço com as duas mãos até ela deixar de respirar e desfez-se do corpo num local isolado. O cadáver só foi encontrado três meses depois.

O filho, de 39 anos, está acusado dos crimes de homicídio qualificado e de profanação de cadáver. Áurea Mirandela desapareceu a 4 de outubro de 2018 e o seu corpo só foi encontrado a 23 de dezembro, por caçadores. Estava junto a uma linha de água, "envolto em lama e em avançado estado de decomposição".

Sangue no carro

Manuel Limões, que morava com a mãe e outro irmão, foi detido três dias depois do desaparecimento da mulher pela Polícia Judiciária (PJ).

Ler mais na edição impressa ou versão e-paper