PSP

Detidos por assaltar idosos fugiram por janela do tribunal no Porto

Detidos por assaltar idosos fugiram por janela do tribunal no Porto

Três suspeitos de furtos a residências de idosos, alguns com violência, fugiram do Tribunal de Instrução Criminal do Porto depois de o juiz de instrução lhes ter decretado prisão preventiva.

Trata-se de dois irmãos gémeos, de 34 anos, mais um cúmplice, de 20, com antecedentes criminais, detidos em flagrante pela PSP do Porto e que foram esta quinta-feira à tarde presentes ao juiz de instrução.

Minutos depois de terem ouvido o magistrado decretar-lhes prisão preventiva, foram conduzidos às celas do Tribunal de Instrução Criminal (TIC) onde aguardavam uma carrinha celular para serem transportados para Custóias. Ninguém percebeu como e em que momento. O que se constatou foi que os indivíduos se apoderaram das chaves da cela e fugiram do edifício do tribunal por uma janela do segundo andar.

Nesta altura, a PSP tem em marcha uma operação nas ruas do Porto, para tentar capturar os homens, considerados "perigososos e potencialmente armados", escreveu aquela força de segurança em comunicado enviado às redações.

"Na sequência da fuga, para além do acionamento dos protocolos de atuação pela PSP para este tipo de incidentes, foi assegurada a difusão imediata pelas demais Forças e Serviços de Segurança (FSS), Centros de Cooperação e Policial e Aduaneira (CCPA) e Sistema de Segurança Interna (SSI)", lê-se na nota.

A PSP pede que "informações úteis com vista à localização/captura dos fugitivos" sejam comunicados à Divisão de Investigação Criminal da PSP do Porto.

ver mais vídeos