PSP

Mãe esfaqueou filho por não parar de jogar videojogos

Mãe esfaqueou filho por não parar de jogar videojogos

Uma mulher de 40 anos foi detida por violência doméstica em Lisboa. Esfaqueou o filho adolescente por se sentir injuriada e insultada após este não parar de jogar videojogos.

Quando a PSP chegou ao local, na freguesia de Campo de Ourique, pelas 2.15 horas da madrugada do último sábado, constatou que um jovem de 19 anos tinha um ferimento de arma branca no ombro. Viriam a apurar que tinha sido feito pela sua própria mãe com uma faca.

Segundo relatos da mulher, que confessou a agressão, ela estaria a repreender o filho por este não parar de jogar videojogos. Como este não lhe ligou, sentiu-se injuriada e insultada, por isso agrediu-o com a faca.

Apesar da presença policial, a mulher não se coibiu de o ameaçar com nova agressão. Foi por isso detida nas salas de detenção do Comando Metropolitano de Lisboa. Após ser apresentada a primeiro interrogatório, ficou sujeita a apresentações mensais às autoridades.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG