Montijo

Matou, esfolou e esquartejou cão da ex-namorada

Matou, esfolou e esquartejou cão da ex-namorada

Um homem de 38 anos foi detido por maus tratos a animal, após ter morto, com tiques de perversidade, o cão da ex-namorada por esta ter terminado a relação. O detido é também suspeito de violência doméstica noutros processos.

Ressentido pelo fim da ligação amorosa, o homem deslocou-se até à residência da ex-namorada no Montijo, no passado dia 22, e decidiu descarregar a frustração no seu animal de companhia. Matou o cão dela e, de seguida, esfolou-o e esquartejou-o.

Alertada, a PSP deslocou-se ao local e, deparando-se com o "cenário macabro", de imediato deteve o suspeito, procedendo à recolha e registos de provas, conta um comunicado daquela força policial.

O homem foi apresentado a autoridade judiciária e ficou em liberdade, apenas sujeito a termo de identidade e residência.

Segundo um comunicado, uma vez que o homem "consta como suspeito noutros processos-crime por violência doméstica contra a sua ex-namorada, a Polícia de Segurança Pública de imediato promoveu a reavaliação do nível de risco, de forma a que possa ser ponderada a necessidade de serem disponibilizadas à cidadã medidas de segurança adicionais".

Outras Notícias