O Jogo ao Vivo

Operação

Sete detidos em 70 buscas a stands no Norte

Sete detidos em 70 buscas a stands no Norte

A Policia Judiciária e a Autoridade Tributária estão a realizar dezenas de buscas em stands de automóveis de várias cidades do Norte, por suspeitas de uma fraude ao IVA de milhões de euros na importação de veículos. Um dos visados é o stand Auguscar, na Póvoa de Varzim.

De acordo com informações recolhidas pelo JN, em causa está um esquema que envolve dezenas de stands e empresas do setor automóvel, sobretudo do Grande Porto. Essas firmas usariam empresas de fachada para importar veículos do estrangeiro sem declarar as transações ao Fisco. Vendiam depois as viaturas aos stands que, assim, se limitavam a declarar uma parte limitada do negócio, lesando os cofres do Estado em vários milhões de euros, nomeadamente no IVA.

"Nesse sentido, através de um conluio entre todos os envolvidos, introduziram no mercado nacional viaturas a um preço de venda ao público significativamente inferior ao preço normal de mercado, gerando uma significativa distorção no sector automóvel, que acompanha um prejuízo para o erário público estimado, por ora, em cerca de 4,3 milhões de euros", informa a Polícia Judiciária, em comunicado.

Na sequência de 70 buscas domiciliárias e não domiciliárias, realizadas nos concelhos do Porto, Vila Nova de Gaia, Gondomar, Vila do Conde, Póvoa de Varzim, Braga, Barcelos, Paredes, Vila Nova de Famalicão e Ponte de Lima, foram detidas sete pessoas, entre as quais três empresários do ramo automóvel e dois contabilistas certificados, com idades entre os os 35 e os 50 anos.

Um dos indivíduos que a PJ e Inspeção Tributária da AT do Porto têm como suspeito é Augusto Fernandes, do Stand Auguscar, na Póvoa de Varzim, que está a ser alvo de buscas. O empresário, conhecido por vender automóveis a figuras mediáticas, como foi o caso de Angélico Vieira, é suspeito de ter beneficiado do esquema de evasão fiscal. Deverá ser constituído arguido.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG