Amadora

Polícias atacados quando tentavam recuperar carros roubados

Polícias atacados quando tentavam recuperar carros roubados

Cerca de 20 agentes tiveram de disparar balas de borracha para dispersar agressores. Dois condutores foram vítimas de carjacking no Bairro Cova da Moura

Cerca de 20 polícias foram atacados com pedras e garrafas quando, às primeiras horas da manhã do último sábado, entraram no Bairro Cova da Moura, Amadora, para recuperar dois carros que tinham sido roubados, com violência, na madrugada anterior. A PSP foi obrigada a disparar balas de borracha para dispersar os atacantes. Nessa mesma manhã, um homem foi encontrado com ferimentos provocados por um tiro à porta de um café do mesmo bairro. Foi levado par o Hospital Amadora-Sintra e a polícia ainda está a tentar perceber as circunstâncias em que foi baleado.

O primeiro roubo aconteceu pela 1.30 horas. Já no interior do Bairro Cova da Moura, quatro indivíduos armados com facas abordaram um condutor e obrigaram-no a sair da viatura. Em seguida, o grupo entrou para o automóvel e abandonou o local.

Já pelas 5 horas ocorreu um segundo carjacking. Desta vez, o roubo foi cometido por dois homens que, munidos com uma caçadeira, também ameaçaram um condutor para ficar na posse do seu carro e fugir. Logo depois de ter sido assaltada, esta vítima apresentou queixa na esquadra da PSP mais próxima e, pelas 6 horas, cerca de 20 agentes entraram no bairro para tentar localizar e recuperar a viatura.

Porém, muitos jovens que se encontravam no bairro, depois de terem participado nas várias festas que decorreram nessa madrugada naquele local, reagiram com violência à chegada da Polícia. Segundo o JN apurou junto de fonte policial, atiraram paus, pedras e garrafas de vidro aos agentes, tentando evitar que estes entrassem no bairro. Os polícias, confirma fonte oficial da PSP, dispararam balas de borracha para afastar os agressores e, desta forma, conseguiram recuperar o último carro a ser roubado. Horas depois, na sequência da denúncia do primeiro carjacking, também localizaram a outra viatura.

PUB

Foi ainda nas primeiras horas da manhã de sábado, que um homem foi encontrado com ferimentos provocados por uma bala. O ferido estava sozinho, à porta de um café do bairro e foi transportado para o hospital. A PSP tenta perceber como e por quem foi alvejado e está a procurar igualmente identificar os autores dos carjackings e das agressões aos polícias.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG