O Jogo ao Vivo

Exclusivo

Relação reverte sentença e condena homem que arrastou mulher pelos cabelos

Relação reverte sentença e condena homem que arrastou mulher pelos cabelos

Agressor, absolvido em primeira instância, foi agora considerado culpado de violência doméstica. Pena de quatro anos e meio de prisão fica suspensa.

O homem que, em abril deste ano, foi absolvido do crime de violência doméstica, após ter sido apanhado, pela GNR, a arrastar a companheira pelo pescoço, viu o Tribunal da Relação do Porto (TRP) reverter a sentença e condená-lo a quatro anos e meio de prisão. Porém, a pena fica suspensa por cinco anos, desde que o indivíduo cumpra um programa de prevenção de violência doméstica e um tratamento de dependência de álcool.

O indivíduo, com 37 anos e residente em Paredes, está ainda obrigado a pagar uma indemnização de 2500 euros à vítima.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG