O Jogo ao Vivo

Exclusivo

Treinador de futebol acusado de mais de 12 mil crimes sexuais

Treinador de futebol acusado de mais de 12 mil crimes sexuais

Criou perfil falso no Instagram para levar menores a darem-lhe fotos e vídeos de cariz sexual. Treinava escalões de formação desde 1999 e está preso.

O Ministério Público (MP) de Beja acusou um ex-treinador de escalões de formação de futebol de 12.248 crimes de pornografia de menores, sete dos quais agravados, e seis crimes de abuso sexual de crianças. O processo começou a ser investigado em abril de 2019 em Lisboa e levou à detenção do suspeito dois anos depois, em Beja.

O MP acredita que desde os 18 anos que João Paulo S. se dedicava a colecionar e a divulgar fotografias e vídeos de jovens dos dois sexos, na sua maioria menores de 14 anos, sendo visto como uma pessoa de personalidade distorcida e com um distúrbio sexual incontrolável. Ao longo de 2020, segundo o MP, o arguido criou uma página na rede social "Instagram" onde se fez passar por um menor, mantendo conversas e aliciando crianças ou jovens.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG