O Jogo ao Vivo

Exclusivo

Relação confirma quase cinco anos de prisão para violador de universitária

Relação confirma quase cinco anos de prisão para violador de universitária

Arguido conheceu vítima nos bares da Universidade do Minho. Levou-a para casa e filmou violação, agressões e sequestro. No fim, obrigou-a a limpar a sala.

O Tribunal da Relação de Guimarães confirmou a pena de prisão efetiva do rapaz de 28 anos que violou uma jovem estudante, de 21 anos, que tinha conhecido nos bares da Universidade do Minho, em Braga. O violador tinha sido condenado a quatro anos e dez meses de prisão, por crimes de violação, agressão e sequestro da universitária. Recorreu, mas não lhe foi dada razão.

O agressor, de nacionalidade angolana, tinha conhecido a jovem em contexto noturno poucos dias antes. Na madrugada de 27 de setembro de 2018, ofereceu-se para a ir buscar à porta de uma discoteca e foram para casa dele. Aqui, estiveram a beber e a fumar haxixe até às 15 horas. Mas, quando a rapariga manifestou vontade de ir embora, ele recusou, avisando: "Só vais quando eu quiser. A partir de agora, vais fazer tudo o que eu quiser e só sais daqui quando eu quiser", descreve o tribunal.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG