Internet

Youtuber invade aulas online e ridiculariza professores e alunos em direto

Youtuber invade aulas online e ridiculariza professores e alunos em direto

Um canal no YouTube transmitiu o em direto, nos últimos dias, aulas online que deveriam decorrer em circuito fechado. A transmissão foi acompanhada de comentários de ridicularização dos professores e alunos participantes nas sessões.

Em algumas situações, o youtuber - cuja identidade é desconhecida - chegou mesmo a boicotar as lições.

Pelas 13 horas desta sexta-feira, os vídeos, com duração de várias horas, tinham já tido, no total, mais de 148 mil visualizações. As imagens foram entretanto retiradas do YouTube, por violarem as regras desta rede social.

O youtuber terá acedido às aulas, ministradas na plataforma Zoom, através de passwords legítimas. Não é ainda claro, como é que estas terão sido recolhidas pelo invasor nem que escolas do país terão sido atingidas.

Nos comentários que acompanharam os diretos, houve vários alunos a divulgarem a identificação e a senha de acesso às suas aulas para que estas pudessem ser boicotadas.

Nas transmissões, eram mostrados os professores e os alunos, na sua maioria adolescentes a comunicar a partir de casa. Além de serem ridicularizados pelo youtuber, os intervenientes foram igualmente gozados pelos internautas que assistiram às sessões em tempo real.