Pandemia

Lar da Santa Casa de Mértola com 31 infetados. Autarquia monta estrutura de apoio

Lar da Santa Casa de Mértola com 31 infetados. Autarquia monta estrutura de apoio

Há 31 infetados com o novo coronavírus no Lar da Santa Casa da Misericórdia de Mértola, sendo que um dos doentes está internado no Hospital de Beja. No total, são 20 utentes e 11 funcionários da Estrutura Residencial Pessoas Idosas (ERPI).

A confirmação foi feita ao JN pelo vereador da Câmara Municipal de Mértola, Mário Tomé, o responsável pela Proteção Civil no Município que justificou que "ontem pelas 23 horas foram conhecidos os testes feitos no sábado e o resultado foi devastador". O autarca acrescentou que "a partir de amanhã vai ser montada uma estrutura de apoio no Pavilhão Desportivo e na quarta-feira esperamos ter transferidos todos os infetados do lar", rematou.

De acordo com uma publicação da Santa Casa da Misericórdia nas redes sociais, "o primeiro caso foi detetado num utente da ERPI, na sequência de uma deslocação ao Hospital de Beja, encontrando-se o mesmo internato", concluíram.

O vereador da autarquia mertolense justificou que "foram feitos testes aleatórios e quatro funcionárias testaram positivo. No sábado testámos todos os utentes e funcionários e resultaram as três dezenas de casos", resumiu Mário Tomé.

Vidigueira e Beja situações preocupantes

Continua a ser preocupante a situação nestes dois concelhos do distrito de Beja, e segundo os últimos dados da Unidade Local de Saúde do Baixo Alentejo (ULSBA), às 24 horas de domingo, Vidigueira registava 116 casos ativos e 123 em Beja.

Entre as 24 horas de quinta-feira e as 24 horas de ontem, o número de casos ativos no concelho de Vidigueira em 66 os infetados. No início do mês de dezembro, o Município da "Vila dos Gamas", como é conhecida Vidigueira, este era um dos que apresentava um baixo número de casos de covid-19, com sete doentes.

PUB

A gravidade da pandemia já levou a que o presidente da Câmara, Rui Raposo, tenha lembrado à população que apesar do concelho estar apontado como de risco moderado "a atual realidade do concelho é outra e o agravamento das medidas só terá efeitos na próxima avaliação".

Para prevenir os contágios a edilidade vidigueirense, suspendeu o atendimento público presencial na autarquia e encerrou diversos equipamentos municipais.

Também no concelho de Beja a situação piorou nos últimos dias, depois de terem sido detetados diversos casos no Lar de Crianças e Jovens em Risco da Fundação Manuel Gerardo de Sousa e Castro, Instituto Politécnico de Beja, que atinge as quatro escolas, e no Despertar Sporting Clube, que levou à suspensão das atividades no seio da agremiação.

Os dados da ULSBA revelam que se, na sua área de atuação, exceto o concelho de Odemira, registaram-se 70 novos casos, que geraram o número de 456 casos ativos, num total de 1739 desde o início da pandemia em março, estando agora 22 doentes internados na enfermaria covid e dois na Unidade de Cuidados Intensivos do Hospital José Joaquim Fernandes, em Beja. No total, há registo de 51 mortos por covid-19, 22 dos quais em Beja e 14 em Serpa.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG