Óbito

Menina de 13 anos morre em escola de Barcelos

Menina de 13 anos morre em escola de Barcelos

Clarisse Mendes sofria de uma patologia que lhe afetava o desenvolvimento muscular e o coração.

Uma menina de 13 anos morreu esta terça-feira vítima de uma paragem cardiorrespiratória. Clarisse Mendes estava a terminar a aula de Ciências, ao meio-dia, quando caiu. O incidente aconteceu na Escola Gonçalo Nunes, em Barcelos. Os colegas de turma e toda a comunidade escolar estão em choque. Foi necessário acompanhamento psicológico. A menor ainda foi assistida, mas o óbito foi declarado no local.

Clarisse Mendes sofria de uma doença congénita, relacionada com o coração e que afetava também o desenvolvimento muscular. Tinha já sido submetida a intervenções cirúrgicas.

O JN sabe que a menina, que residia com os pais e o irmão mais velho em Abade de Neiva, estava a ser acompanhada no Hospital de São João, no Porto, onde ia com regularidade fazer exames e tratamentos.

"Era uma menina muito esperta. Na freguesia todos gostavam dela, porque era meiga. Sei que estava também a ser acompanhada no hospital de Coimbra. A Clarisse tinha uma doença rara e aguardava uma nova cirurgia", conta ao JN o presidente da Junta de Abade de Neiva, David Torres.

Também o diretor do Agrupamento Gonçalo Nunes, António Barros, descreve Clarisse como uma menina "muito meiga".

PUB

"Estamos todos muito abalados. Sei que a Clarisse estava ao pé da professora, no final da aula. A colega ainda a viu cair. Era uma menina muito disponível e esperta. Na sala de aula tinha os professores e no intervalo havia quase sempre uma funcionária que a acompanhava", acrescenta o responsável da escola.

O alerta foi dado às 12.08 horas e o corpo foi transportado para a morgue do hospital de Barcelos cerca das 14.40 horas. No auxílio a Clarisse Mendes estiveram os Bombeiros Voluntários de Barcelos e a equipa da viatura médica de emergência e reanimação.

Outras Notícias