O Jogo ao Vivo

Incêndios

Bombeiros de Vila Verde falam em "terrorismo" após nove ignições em simultâneo

Bombeiros de Vila Verde falam em "terrorismo" após nove ignições em simultâneo

O segundo comandante dos Bombeiros Voluntários de Vila Verde, Luís Morais, mostrou-se revoltado com a onda de incêndios que o concelho está a viver, desde cerca do meio-dia. Ao todo, fala de nove ignições, quase em simultâneo.

"O que aconteceu em Vila Verde foi terrorismo. Apareceram nove incêndios, em simultâneo, e há casas ameaçadas", afirmou Luís Morais, ao JN, adiantando que um dos fogos que merece maior preocupação lavra em Prado S. Miguel, cujo o alerta foi dado pelas 14.24 horas. No local, estão 15 operacionais, com duas viaturas e um meio aéreo.

De acordo com o site da Autoridade Nacional de Emergência e Proteção Civil, dois minutos antes (14.22 horas), os operacionais, também, foram chamados para a localidade de Gomide. Um meio aéreo, 18 agentes da proteção e três viaturas estavam mobilizados para combater as chamas, pelas 15.30 horas.

PUB

Às 14 horas, a corporação de Vila Verde já tinha sido chamada para resolver incêndios rurais nas freguesias de Aboim da Nóbrega e Gondomar. Segundo o site da Proteção Civil, nesta altura, o concelho conta, ainda, com mais três ocorrências ativas ou fase de resolução na União de Freguesias de Sande, Vilarinho, Barros e Gomide, que surgiram entre as 11.39 e as 12.25 horas.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG