Ensino

Santana Lopes confirma polo da Universidade de Coimbra na Figueira da Foz

Santana Lopes confirma polo da Universidade de Coimbra na Figueira da Foz

O presidente da Câmara da Figueira da Foz confirmou esta quarta-feira que o polo de ensino superior da Universidade de Coimbra (UC) na cidade vai ficar sediado na Quinta das Olaias, próximo do Centro de Artes e Espetáculos.

"A base vai funcionar na Quinta das Olaias, mas não vai funcionar tudo naquele local, até porque não tem espaço", disse Pedro Santana Lopes aos jornalistas, no final da sessão de Câmara de hoje.

O autarca, que na terça-feira visitou o local, acompanhado pelo reitor da UC, confirmou ainda que as orientações apontam para que as atividades letivas no concelho arranquem em setembro, no início do próximo ano letivo.

"O facto da UC ter a sua sede na Quinta das Olaias para o arranque dos trabalhos em nada diminuirá aquele espaço", frisou o presidente da autarquia, que na sessão desta quarta-feira foi confrontado por um munícipe, que considerou o edifício uma "sala de visitas" da cidade, que ficará "empobrecida", impedindo da fruição os "figueirense e quem nos visita".

O autarca não respondeu ao munícipe, mas, no final, aos jornalistas, salientou que não recebe "lições de ninguém sobre o apreço, o reconhecimento e o valor daquele edifício e do conjunto, pois ninguém fez mais por aquilo" que ele. "Não vamos transformar a Quinta das Olaias naquilo que nunca foi no concelho, nomeadamente em afluência, interesse e atenção. Não é agora que, de repente, passou a ser algo que nunca foi nestes 20 anos", sublinhou.

Nos últimos meses, o presidente da câmara tem procurado um local para instalar o polo de ensino superior da UC, no âmbito de uma parceria com o município, tendo sido avançado a possibilidade de ser usado o Sítio das Artes, para onde estava também previsto um centro de formação do Centro de Emprego e Formação Profissional (IEFP).

Aos jornalistas, Santana Lopes admitiu ainda possibilidade de, no Sítio das Artes, poder coexistir o centro de formação do IEFP e atividades de ensino do polo da UC, no seguimento de uma conversa com a presidente do conselho diretivo daquele organismo público.

PUB

Datado de 1840, o edifício da Quinta das Olaias, que foi adquirido pelo município da Figueira da Foz na primeira passagem de Santana Lopes pela presidência da Câmara, no mandato 1997-2001, serve de Casa-Museu.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG