Covid-19

Surto em lar de Mafra com 15 infetados e um óbito

Surto em lar de Mafra com 15 infetados e um óbito

Quinze utentes do lar Solar de S. Gião, em Mafra, estão infetados com covid-19, apesar de todos já terem completado o seu esquema vacinal. Do surto, há ainda uma morte a registar e seis funcionários infetados. A informação foi confirmada ao JN, esta segunda-feira, pela Administração Regional de Saúde de Lisboa e Vale do Tejo.

O primeiro caso foi detetado a 14 de junho. Dos 21 residentes no lar, 15 testaram positivo para a covid-19 e estão com "sintomas ligeiros". No entanto, quatro idosos necessitaram de ser hospitalizados, sendo que um dos utentes acabou por falecer. Todos, garante a ARS de Lisboa e Vale do Tejo, estavam vacinados contra a covid-19.

Há também a registar seis funcionários positivos. De acordo com a Administração Regional de Saúde de Lisboa e Vale do Tejo, entre os 13 funcionários da instituição, sete não estão ainda vacinados, quatro têm o esquema vacinal completo e um tem a primeira dose.

PUB

Para já, garante a ARS de Lisboa e Vale do Tejo, ainda não há certezas quanto à origem do surto.

.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG