Autárquicas

Humberto Silva concorre como independente à Câmara de Matosinhos

Humberto Silva concorre como independente à Câmara de Matosinhos

O impulsionador do Movimento Diz Não ao Paredão, Humberto Silva, que contesta as obras no Porto de Leixões, anunciou, esta segunda-feira, através da sua página de Facebook, que será candidato independente à Câmara de Matosinhos.

"É com grande sentido de responsabilidade e de missão que me apresento como candidato independente à presidência da Câmara de Matosinhos", disse o também presidente da Associação Década Reversível (ADERE), de 34 anos.

Humberto Silva, trabalhador daquela Autarquia, referiu que encabeça uma lista que tem o desafio de fazer mais e melhor, de trazer a mudança e de apresentar uma nova visão para a cidade.

O nome do movimento é "Viver Matosinhos", como se anuncia no Facebook, caracterizado como "um projeto cívico, independente, ambientalista e humanista de candidatura aos órgãos autárquicos do concelho de Matosinhos". A página foi criada no final da semana passada, mas foi só esta segunda-feira que Humberto Silva anunciou a sua intenção de se candidatar a presidente da Câmara de Matosinhos.

"Somos pelo progresso e pelo ambiente, pelo desenvolvimento económico e social, pela sustentabilidade, pela qualidade de vida. Acima de tudo somos pela transparência da gestão pública e pela liberdade de decidir unicamente em prol da nossa terra", afirmou.

Com Humberto Silva são, até agora, dois os candidatos à Câmara de Matosinhos, depois de o PSD ter anunciado que o seu candidato é o líder da concelhia social-democrata, Bruno Pereira, de 36 anos.

PUB

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG