Covid-19

Senhor de Matosinhos cancelado pela primeira vez em 700 anos

Senhor de Matosinhos cancelado pela primeira vez em 700 anos

As Festas do Senhor de Matosinhos, agendadas para 22 de maio a 14 de junho foram canceladas devido à atual pandemia da Covid-19.

O cancelamento das festas foi aprovado por unanimidade na reunião de Câmara que decorreu esta terça-feira. A decisão prendeu-se com o facto de "não estarem reunidas as condições necessárias para a sua realização", dado o "cenário de pandemia que se vive no país", referiu a Autarquia.

É a primeira vez em quase 700 anos de história que as Festas do Senhor de Matosinhos são canceladas, juntando-se às outras duas romarias - Festas da Senhora da Hora e Festas do Mártir São Sebastião, que foram pelas mesmas razões, também canceladas.

"Todos os intervenientes estão conscientes da penalização económica que esta circunstância trará aos operadores deste tipo de festas e romarias", referiu o vice-presidente da câmara, Fernando Rocha.

O autarca, que é também presidente da Associação para a Animação da Cidade de Matosinhos (entidade coorganizadora das festas) sublinhou que depois de consultadas as autoridades de saúde "nenhuma outra decisão poderia ser tomada".

Contudo, Fernando Rocha disse estar a ser articulada com a Paróquia de Matosinhos "uma fórmula" que permita que o Dia do Senhor de Matosinhos, que este ano se celebra a 03 de junho, seja assinalado.