Mau tempo

Queda de granizo provoca dezenas de inundações em Lamego

Queda de granizo provoca dezenas de inundações em Lamego

A cidade de Lamego foi atingida pela queda intensa de granizo, esta quarta-feira, por volta das 15 horas, o que provocou dezenas de inundações em lojas, garagens e escritórios. Cerca de meia centena de operacionais estão no terreno a proceder a operações de limpeza e de desentupimento de sarjetas.

Verificou-se também um acidente de viação na A24, junto a Valdigem, que provocou dois feridos ligeiros e uma derrocada na EN 222, em Bagaúste, mas que não impediu a circulação na via. Há vários pomares e vinhas afetados nas freguesias rurais. A Câmara Municipal informou que a precipitação anormal, sob a forma de "granizo de grande calibre", provocou ainda cortes de abastecimento elétrico, que subsistem na freguesia de Cambres.

O fenómeno meteorológico demorou cerca de 30 minutos e atingiu também as freguesias rurais da encosta do concelho virada para o rio Douro. "Começou a cair granizo com grande intensidade, chegando mesmo a atingir alguns centímetros de altura em algumas zonas da cidade", afirmou fonte da Proteção Civil Municipal de Lamego.

Por volta das 17 horas, havia registo de 34 ocorrências. "Mas o telefone continua a tocar, pelo que se prevê que o número possa aumentar", acrescentou a fonte. Verificaram-se várias inundações, queda de árvores e várias tampas de saneamento levantaram devido a entupimentos.
Por volta das 18 horas, o número de ocorrências já tinha superado a meia centena, das quais "metade já se encontra resolvida". As operações de limpeza e socorro estão a envolver 53 operacionais e 24 viaturas da Proteção Civil Municipal, Bombeiros, Câmara, PSP e GNR.

A Câmara de Lamego adiantou que "a prioridade é a salvaguarda de pessoas e bens e o restabelecimento de serviços afetados, desimpedimento e limpeza de vias interrompidas e a resolução de situações particulares, nomeadamente a inundação de caves de habitações".

ver mais vídeos