Médio Oriente

Biden comunica ao primeiro-ministro israelita que apoia cessar-fogo em Gaza

Biden comunica ao primeiro-ministro israelita que apoia cessar-fogo em Gaza

O Presidente norte-americano, Joe Biden, manifestou o seu "apoio" a um cessar-fogo em Gaza, durante uma conversa com o primeiro-ministro israelita, Benjamin Netanyahu, anunciou esta segunda-feira a Casa Branca.

"O Presidente expressou o seu apoio a um cessar-fogo", afirmou a Casa Branca através de uma declaração cautelosa, numa altura em que muitos no campo democrata estão a apelar a Biden para que peça explicitamente um cessar-fogo entre Israel e o Hamas, que controla a Faixa de Gaza.

A iniciativa de Biden assinala a preocupação dos Estados Unidos em pôr fim à parte de Israel nas hostilidades com o Hamas, embora não se associe às crescentes exigências do Partido Democrático para um cessar-fogo imediato.

A Casa Branca diz que o presidente reiterou o seu firme apoio ao direito de Israel de se defender contra ataques indiscriminados de roquetes.

Os combates começaram a 10 de maio, após semanas de tensão entre israelitas e palestinianos em Jerusalém Oriental, que culminaram com confrontos na Esplanada das Mesquitas, o terceiro lugar sagrado do islão junto ao local mais sagrado do judaísmo.

Ao lançamento maciço de foguetes por grupos armados em Gaza em direção a Israel opõe-se o bombardeamento sistemático por forças israelitas contra a Faixa de Gaza, tendo provocado a morte a cerca de 200 palestinianos, incluindo 59 menores e 39 mulheres, bem como mais de 1300 feridos.

PUB

Do lado israelita foram contabilizadas 10 mortes, entre elas a de dois menores, numa altura em que continuam os ataques de ambas as partes sem que vislumbre um sinal de tréguas.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG