Conflito

Edifício residencial atingido por míssil em Kiev

Edifício residencial atingido por míssil em Kiev

Um grande edifício residencial em Kiev foi atingido por um míssil, indicou este sábado à AFP o serviço do Estado para as questões de emergência, sem dar informações quanto a eventuais vítimas.

O míssil atingiu o edifício entre o 18.º e o 21.º andar, precisou este serviço do estado ucraniano, acrescentando que a evacuação do prédio estava "em curso".

PUB

A Rússia havia anunciado um pouco antes ter disparado mísseis de cruzeiro, ao terceiro dia da sua invasão da Ucrânia.

A Rússia lançou na quinta-feira de madrugada uma ofensiva militar na Ucrânia, com forças terrestres e bombardeamento de alvos em várias cidades, que já provocaram pelo menos mais de 120 mortos, incluindo civis, e centenas de feridos, em território ucraniano, segundo Kiev. A ONU deu conta de 100.000 deslocados no primeiro dia de combates.

O Presidente russo, Vladimir Putin, disse que a "operação militar especial" na Ucrânia visa "desmilitarizar e 'desnazificar'" o seu vizinho e que era a única maneira de o país se defender, precisando o Kremlin que a ofensiva durará o tempo necessário, dependendo de seus "resultados" e "relevância".

O ataque foi condenado pela generalidade da comunidade internacional e motivou reuniões de emergência de vários governos, incluindo o português, e da Organização do Tratado do Atlântico Norte (NATO), União Europeia (UE) e Conselho de Segurança da ONU, tendo sido aprovadas sanções em massa contra a Rússia.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG