O Jogo ao Vivo

Maxixe

Idoso enterrado vivo em Moçambique por suspeita de feitiçaria

Idoso enterrado vivo em Moçambique por suspeita de feitiçaria

O Tribunal Judicial da Cidade da Maxixe, no sul de Moçambique, ordenou a detenção de nove pessoas acusadas de matar um homem, de 75 anos, ao enterrá-lo vivo por suspeitas de feitiçaria.

Um filho e um sobrinho da vítima estão entre os detidos, enquanto 11 pessoas vão aguardar ao processo em liberdade, escreve o diário "O País" esta terça-feira.

O idoso foi obrigado a cavar a cova onde foi sepultado, no sábado passado, pelos seus familiares.

O crime foi cometido após o funeral de um parente, sendo que os arguidos acusam o idoso de ser responsável pela morte.

Há três anos, a vítima já havia sido atirada a um rio, amarrada, também depois de ter sido acusada de feitiçaria, tendo-se salvado em circunstâncias não conhecidas.

Outras Notícias

Outros Conteúdos GMG