Reino Unido

Encontrado corpo de Scott Hutchison, vocalista dos Frightened Rabbit

Encontrado corpo de Scott Hutchison, vocalista dos Frightened Rabbit

O corpo de Scott Hutchison, da banda Frightened Rabbit, foi encontrado em Edimburgo, na Escócia, na quinta-feira.

De acordo com o "The Guardian", a polícia da Escócia confirmou que o corpo encontrado às 20.30 horas de quinta-feira em Port Edgar, perto de South Queensferry, Edimburgo, na Escócia, é de Hutchison.

Scott Hutchison, de 36 anos, foi visto pela última vez à 1 hora da manhã da última quarta-feira, quando saiu do hotel Dakota em South Queensferry.

A banda solicitou no Twitter que qualquer pessoa com informações sobre o paradeiro do vocalista contactasse a polícia. "Nós estamos preocupados com o Scott, que já está desaparecido há algum tempo. É possível que ele esteja num estado frágil e pode não estar a tomar as melhores decisões para ele próprio", escreveram.

Scott Hutchison havia incluído nas suas músicas as suas dificuldades a nível de saúde mental. Numa entrevista publicada no "Noisey", o vocalista descreveu o seu estado de espírito como "mediano". "No dia-a-dia, um 6 em 10. Não sei quão frequentemente posso esperar algo mais do que isso. Eu atraio o negativo na vida, eu habito nele e ele consome-me", disse.

Já em 2016, Scott falou sobre ataques de ansiedade e referiu que as suas emoções tinham um impacto significativo nele. "Eu sempre vi a agitação emocional como uma doença. É uma inquietação que dura muito tempo e que não pode ser curada".

O cantor formou a banda Frightened Rabbit em 2003 como um projeto a solo e em 2006, o irmão, Grant, juntou-se para gravar o álbum de estreia. Entretanto, a banda expandiu-se para cinco membros. Recentemente, o grupo musical fez uma digressão para celebrar o décimo aniversário do álbum "The Midnight Organ Fight".

As notícias de que um corpo tinha sido encontrado na zona despertou tributos de muitos músicos e fãs.

A família de Scott Hutchison já estava preocupada devido aos tweets publicados pelo vocalista na noite de terça-feira, pouco antes de ser visto pela última vez. O cantor escreveu "Sejam tão bons com todos os que amam. Não é garantido. Estou tão aborrecido que não o seja. Eu não vivi assim e isso mata-me. Por favor, abracem quem amam" e "Vou embora agora. Obrigado".

ver mais vídeos