Vida animal

Dor de mãe. Orca não larga cria morta há 16 dias

Dor de mãe. Orca não larga cria morta há 16 dias

Uma orca está a chamar a atenção de cientistas um pouco por todo o mundo. É que o animal está há 16 dias a nadar, carregando o corpo da cria que morreu.


O animal foi avistado pela primeira vez no dia 24 de julho na costa da ilha de Vancouver, no Oceano Pacífico. Na quarta-feira, os especialistas que estão a estudar o estranho caso disseram que o animal ainda continua a carregar o corpo da cria morta.

Apesar de ser normal ver orcas a transportar as crias mortas durante uma semana, os especialistas acreditam que esta mãe está prestes a bater um recorde. "Talvez seja apenas a forma de superar a perda da cria. É muito trágico para estes animais perderem os bebés e isso está a acontecer de uma forma cada vez mais comum", disse Ken Balcom, que trabalha no Centro de Pesquisa de Baleias, citado pela BBC.

Os investigadores que estão a acompanhar o caso acreditam que a cria morreu no dia 24 de julho, mas ainda ninguém sabe os motivos da morte. O número de orcas está a diminuir de forma drástica nas costas do Canadá e dos EUA. Estes animais dependem do Salmão Chinook para sobreviver e esse alimento é cada vez mais raro.

ver mais vídeos