Ambiente

Indonésia devolve aos EUA cinco contentores com resíduos não declarados

Indonésia devolve aos EUA cinco contentores com resíduos não declarados

A Indonésia devolveu cinco contentores de lixo aos Estados Unidos por terem sido encontrados resíduos não declarados no seu interior, informaram hoje fontes oficiais.

O porta-voz do ministério do Meio Ambiente indonésio, Djati Witjaksono Hadi, adiantou que o carregamento, que chegou em março ao porto de Tanjung Perak, na cidade de Surabaya, e deveria conter papel, tinha também pacotes de alimentos, roupa, sapatos, fraldas e madeira, entre outros resíduos.

Witjaksono disse que as autoridades alfandegárias devolveram o lixo na sexta-feira, sublinhando que este veio de uma empresa canadiana, embora o porto de origem da mercadoria seja Seattle, nos Estados Unidos.

"A Indonésia está comprometida em manter o território nacional livre de encargos desnecessários que afetem nossa capacidade de preservar o meio ambiente, como a chegada de lixo indesejado ou resíduos de outros países", disse o ministério em comunicado.

Desde que a China proibiu a importação de resíduos plásticos não recicláveis em 2018, os contentores vão em grande parte para países do sudeste asiático como a Malásia, Filipinas e Indonésia.

Em 29 de abril, a Malásia devolveu cinco contentores de plástico poluente a Espanha.

O arquipélago indonésio tem mais de 17.000 ilhas, uma população de mais de 265 milhões de habitantes e é um dos países com maior poluição de plásticos nos oceanos.