O Jogo ao Vivo

Salvamento

Presos na gruta da Tailândia: Que impacto terá o incidente nos jovens?

Presos na gruta da Tailândia: Que impacto terá o incidente nos jovens?

Ainda não há nenhum plano concreto para o resgate dos 12 rapazes e treinador que ficaram presos, no dia 23 de junho, numa gruta na Tailândia. Mas certo é que o regresso à vida normal vai ser muito difícil.

Ao JN, Pedro Morgado, psiquiatra e professor da Escola de Medicina da Universidade do Minho, disse que as dificuldades que os jovens poderão encontrar no "mundo real", depois de estarem confinados a uma gruta durante vários meses, "depende de uma multiplicidade de fatores que incluem aspetos culturais, características prévias da personalidade e (...) a perceção individual do risco em que estão envolvidos".

Contudo, o medo gerado por uma situação que coloca em perigo a vida de uma pessoa desperta os mecanismos de resposta ao stresse, que ficam ativos de forma contínua e têm consequências a nível biológico e psicológico.

O facto de os jovens estarem submetidos à escuridão da caverna durante um longo período de tempo também pode ter influência no impacto a nível psicológico, uma vez que "agrava significativamente os efeitos de um trauma desta situação". "O nosso organismo está preparado para responder às variações de luz do dia e a disrupção desse ciclo por longos períodos tem efeitos particularmente nefastos", explicou.

Para o psiquiatra, o incidente "seguramente terá um impacto significativo na vida" dos rapazes. Há ações imediatas a serem tomadas, entre as quais a recuperação do estado físico e o acompanhamento psicológico, de forma a evitar "o estabelecimento de doenças que se podem desenvolver" no futuro, como a perturbação de adaptação, a perturbação de stresse pós-traumático e os quadros de natureza depressiva.

ver mais vídeos