Investigação

Interpol emite mandado internacional de prisão para filho de ex-presidente do Mali

Interpol emite mandado internacional de prisão para filho de ex-presidente do Mali

A Interpol emitiu segunda-feira um mandado internacional de prisão para Karim Keita, um dos filhos do antigo presidente do Mali Ibrahim Boubacar Keita, no âmbito de uma investigação sobre um desaparecimento de um jornalista em 2016.

De acordo com a agência noticiosa AFP, citando fonte próxima do processo, a difusão vermelha da Interpol contra o ex-deputado maliano foi disseminada a pedido de um juiz de um tribunal de Bamaco.

A informação foi confirmada à AFP por um funcionário do escritório da Interpol no Mali.

O jornalista maliano Birama Touré, que trabalhou no semanário Le Sphinx, com sede em Bamaco, não é visto desde 29 de janeiro de 2016, segundo a família e o diretor da publicação, Adama Dramé, afirmando que temem que tenha sido sequestrado, torturado e morto após vários meses de detenção.

Acreditando ter sido difamado pelo Le Sphinx, segundo a AFP, Karim Keita apresentou queixa por difamação contra o diretor do semanário e contra um jornalista de uma estação de rádio privada da capital maliana, em 2019, negando qualquer envolvimento no desaparecimento de Birama Touré.

Karim Keita refugiou-se na Costa do Marfim após escapar da prisão, aquando do golpe militar liderado pelo coronel Assimi Goita que derrubou o seu pai, em 18 agosto de 2020.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG