Venezuela

Ensino de português à distância vai ser testado na Venezuela

Ensino de português à distância vai ser testado na Venezuela

A coordenação do ensino do português na Venezuela vai avançar com dois programas-piloto de ensino da língua portuguesa à distância, através de plataformas digitais, na cidade de Mérida e na ilha de Margarita.

"Vão ser dois projetos-piloto modestos, mas é a porta de entrada para começar a entrar em estados longe da capital, como é o caso de Mérida e Nova Esparta (ilha de Margarita), e é nesse sentido que nós vamos", disse o coordenador do ensino do português na Venezuela, Rainer Sousa.

O coordenador falava à margem das V Jornadas para Professores de Língua Portuguesa da Venezuela, que terminaram esta semana e que pela primeira vez decorreram de forma virtual. "A possibilidade de dar aulas à distância, usando as tecnologias digitais, é uma grande oportunidade para algumas escolas que, mesmo nesta situação de pandemia (da covid-19), têm solicitado o ensino do português", frisou Rainer Sousa.

Leia mais em Bom Dia

Outras Notícias