Reino Unido

Ministro da Saúde britânico também está infetado com Covid-19

Ministro da Saúde britânico também está infetado com Covid-19

O ministro da Saúde britânico, Matt Hancock, confirmou esta sexta-feira também ter contraído a Covid-19, horas depois de o primeiro-ministro, Boris Johnson, ter anunciado estar em isolamento por o teste ao vírus ter sido positivo.

"Tenho estado a trabalhar de casa nos últimos dois dias, porque todos os que puderem trabalhar a partir de casa, devem fazê-lo", disse, através da rede social Twitter.

Hancock, que esteve no parlamento britânico na quarta-feira, juntamente com o primeiro-ministro durante o debate semanal com os deputados, disse ter sentido sintomas ligeiros e aconselhado a fazer o teste, que acusou positivo.

O ministro disse continuar a trabalhar e a liderar a resposta do país à pandemia, que já causou 769 mortes no Reino Unido em 14.579 casos confirmados, de acordo com os dados publicados hoje pelo Ministério da Saúde.

Horas antes, Boris Johnson também tinha anunciado estar infetado e em isolamento, depois de ter sido confirmado que tinha contraído a Covid-19.

"Não tenham dúvida de que, graças às maravilhas das novas tecnologias, posso continuar em contacto com a minha equipa e liderar o combate ao coronavírus". adiantou.

A última vez que Boris Johnson foi visto em público foi na quinta-feira à noite em Downing Street, junto ao ministro das Finanças, Rishi Sunak, quando ambos aderiram à iniciativa popular de bater palmas aos profissionais de saúde.

Embora o conselho de ministros desta semana já tenha sido conduzido através de videoconferência e o contacto semanal com a rainha Isabel II por telefone, o primeiro-ministro manteve contactos pessoais com algumas figuras, nomeadamente o diretor geral de Saúde, Chris Whitty, e o consultor científico, Patrick Vallance.

De acordo com um porta-voz do governo, o ministro dos Negócios Estrangeiros, Dominic Raab, será o responsável a assumir a liderança do executivo se Boris Johnson não estiver capaz.

Até agora, no governo britânico apenas a subsecretária de Estado da Saúde, Nadine Dorries, tinha contraído a Covid-19, há duas semanas atrás, tendo entretanto regressado ao trabalho.

O novo coronavírus, responsável pela pandemia da Covid-19, já infetou cerca de 540 mil pessoas em todo o mundo, das quais morreram perto de 25 mil.

Dos casos de infeção, pelo menos 112.200 são considerados curados.

Outras Notícias