Internet

"Olha a selfie": guarda florestal partilha fotos com gorilas no Congo

"Olha a selfie": guarda florestal partilha fotos com gorilas no Congo

"Mais um dia no escritório...". É assim que o guarda florestal Mathieu Shamavu, que ajuda a proteger os gorilas no Parque Nacional de Virunga, na República Democrática do Congo, descreve a imagem partilhada, na quinta-feira, na página de Facebook da "Elite Anti-Poaching Units And Combat Trackers", uma unidade anti-caçadores de elite.

A foto, que rapidamente se tornou viral na Internet, mostra Mathieu a tirar uma selfie com dois gorilas no Parque Nacional de Virunga, património mundial da UNESCO no Congo.

O guarda florestal faz parte do grupo "Elite Anti-Poaching Trackers And Combat Trackers", encarregado de proteger os animais do parque.

Um porta-voz do parque disse à Sky News que os gorilas vivem numa unidade especialmente preparada para os gorilas órfãos que foram vítimas de caçadores ilegais ou traficantes de animais.

Uma equipa de mais de 600 guardas passa por um "treino intensivo, arriscando as suas vidas diariamente para proteger a vida selvagem excecional do parque", pode ler-se no site do Parque Nacional de Virunga. Cerca de um terço da população mundial de gorilas-das-montanhas, altamente ameaçados de extinção, vive nas florestas vulcânicas do parque.

Os guardas florestais publicam várias fotos ao lado dos gorilas. O porta-voz do parque disse que os dois animais da foto eram "amigáveis" porque estavam habituados ao contacto humano no safari Senkwekwe Center for Gorilla Orphans. Yvonne Ndege, porta-voz do ACNUR (Alto Comissariado das Nações Unidas para os Refugiados) no Quénia, partilhou a imagem na sua página do Twitter com a descrição: "A selfie do ano, sem dúvida!".

No Facebook, cerca de 23 mil pessoas reagiram à imagem, que já tem mais de 2500 comentários e 19 mil partilhas. "Uau, tens um ótimo escritório. Mantém-te seguro e obrigado pelo trabalho incrível que fazes", comentou um utilizador. "Isso sim, é uma selfie!", disse outro.

A fotografia está a circular nas redes sociais com um pedido especial de que as pessoas "façam a diferença" ao doar para ajudar com os esforços de conservação do Parque Nacional de Virunga.

Imobusiness