Índia

Cadela a correr atrás de comboio tornou-se símbolo de uma cidade

Cadela a correr atrás de comboio tornou-se símbolo de uma cidade

Todos os dias, à mesma hora, uma cadela corre desesperada atrás do comboio, na estação de Kanjurmarg, em Mumbai, na Índia. Já se tornou um símbolo daquela localidade e os habitantes acreditam que o animal foi abandonado no local.

Às 23 horas, diariamente, a cumprir uma espécie de ritual, uma cadela espera na estação de Kanjurmarg, como se aguardasse pela chegada de alguém conhecido. Quando o animal se apercebe de que o comboio está a chegar, levanta-se e começa a correr pela plataforma 1, por onde passa a composição com destino a Kalyan.

Depois de ver a carruagem reservada a mulheres passar, sem que ninguém saia, a cadela acompanha a partida do comboio. A estranha rotina da cadela, até agora pouco conhecida, ganhou relevância internacional depois de um vídeo publicado nas redes sociais, em que se pode ver o animal a correr desenfreado atrás do comboio, sem que ninguém venha ao seu encontro.

"Eu vi a cadela quando regressava a casa. A forma como espera pelos comboios no final do dia e tenta entrar na cabine reservada às mulheres é a prova de que espera por uma pessoa. Pode ser alguém que a alimenta regularmente ou mesmo a pessoa que a abandonou", escreveu Sameer Thorat, um habitante daquela localidade, que partilhou as imagens.

A forma como o vídeo circulou nas redes sociais fez com que várias pessoas se deslocassem ao local para conhecerem a cadela. "Ela já está aqui há algum tempo. Recentemente começaram a aparecer mais pessoas para tirarem fotos e fazerem vídeos com ela", disse, ao "Mumbai Mirror", um funcionário da estação.

É nas redes sociais que um grupo dedicado à proteção de animais se uniu para tentar encontrar uma família para a cadela e as quatro crias que a acompanham.

ver mais vídeos