Guerra

Rússia alerta França para consequências de ataques a Zaporijia

Rússia alerta França para consequências de ataques a Zaporijia

O presidente russo, Vladimir Putin, alertou, este domingo, o seu homólogo francês, Emmanuel Macron, para as "consequências catastróficas" dos ataques à central nuclear de Zaporijia.

Numa chamada telefónica com Macron, Putin chamou à atenção para os "regulares ataques ucranianos" à central, incluindo ao depósito de resíduos radioativos, lembrando que podem ocorrer "consequências catastróficas".

Em comunicado, o Kremlin adiantou ainda que, durante a chamada, o Presidente russo falou das medidas adotadas para garantir a segurança da central e sublinhou a necessidade de pressionar as autoridades de Kiev a terminarem "imediatamente" com os ataques contra a central.

PUB

De acordo com a mesma nota, os dois dirigentes também manifestaram vontade de "cooperar de forma despolitizada" no que se refere à mesma central, em cooperação com a Agência Internacional de Energia Atómica.

Putin voltou também a lamentar as entregas de armas ocidentais a Kiev, usadas para "bombardear, de forma maciça, as infraestruturas civis da cidade de Donbass".

Localizada a Sul da Ucrânia e controlada pelas forças russas, a central de Zaporijia foi bombardeada várias vezes nas últimas semanas.

Moscovo e Kiev culpam-se mutuamente por esses ataques.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG