China

Xi Jinping diz a Boris Johnson que é necessário criar condições para a paz

Xi Jinping diz a Boris Johnson que é necessário criar condições para a paz

O presidente chinês, Xi Jinping, disse esta sexta-feira, numa conversa por telefone com o homólogo britânico, Boris Johnson, que a comunidade internacional deve "criar as condições certas" para resolver o conflito na Ucrânia e "promover negociações de paz com sinceridade".

"A comunidade internacional deve promover as negociações de paz com sinceridade. Devem ser criadas as condições necessárias para resolver este assunto. Devemos fazer tudo o possível para que a paz retorne à Ucrânia", disse Xi, segundo a imprensa local.

O presidente chinês afirmou que o seu país já está a desempenhar "um papel construtivo" nesse sentido.

PUB

Xi disse ainda que a China está "pronta para o diálogo" com o Reino Unido, desde que este seja "franco, aberto e inclusivo", afirmando esperar que Londres seja "justa e objetiva" ao lidar com Pequim.

A conversa ocorre uma semana depois de Xi ter falado, por videoconferência, com o presidente dos Estados Unidos, Joe Biden. Xi instou então Washington a trabalhar em conjunto para "equilibrar as tensões" e "alcançar a paz global".

Desde o início do ataque russo à Ucrânia, a China manteve uma posição ambígua. Pequim pediu que "a integridade territorial de todos os países" fosse respeitada, reiterando a sua oposição às sanções contra Moscovo.

A China também evitou usar a palavra "invasão" para se referir à ofensiva russa.

Sobre as alegações de que Pequim conhecia, aprovava ou apoiava a operação da Rússia, autoridades chinesas classificaram-nas como "pura desinformação".

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG